Êta, 2011 na Área. (se derrubar é pênalti)

Poisé, Leitores e Não-leitores do blog, 2010 se foi e 2011 chegou.

Se isso devia ser algo especial? Não sei. Mas parece que 2010 leva algumas coisas com ele e deixa outras, boas e más.

O que importa é que não acabou. Temos aí um tempo todinho para a frente, aproveite ele. É a minha dica pra 2011.

No mais, apenas agradecer a presença (ou a falta dela) de vocês e a nossa coragem (ou preguiça) de escrever coisas pras cá. E como já disse um grande amigo meu: “Desejar um ano todo de felicidade é muita coisa, então: bom Janeiro para vocês” e sucessos decisivos!

Categorias:Datas Urubísticas Tags:,

The National – High Violet

Good Dawning/Morning/Afternoon/Evenning!

Se você ainda não ouviu o último álbum da banda The National, essa é a sua chance!

The National! Formada em 1999! Pelo barítono Matt Berninger! E os dois pares de irmãos: Aaron Dressner (baixo/guitarra) e Bryce Dressner (guitarra); Bryan Devendorf (bateria) e Scott Devendorf (baixo/guitarra).

The National

Eu poderia aqui contar a história da formação dessa banda de Ohio e blá blá blá… Leia mais…

Global Connection #2 – De Aeroporto A Aeroporto

Opa!

Mais um pedaço da história Global Connection😀

 

2


Nova Iorque, Estados Unidos, 10 horas, 16 de março

“OK, tenho que buscar esse cara da NSA e pegar um avião particular no Aeroporto Internacional J. F. Kennedy…”, pensava Maxwell, mas o que mais o preocupava era a missão que estava descrita na pasta: encontrar oito pessoas que estavam num ônibus de turismo numa tarde de domingo na Suíça. Primeiro: esse tipo de missão não era a sua especialidade, estava acostumado a lidar com mafiosos e traficantes. Talvez ele só fosse a segurança do agente da NSA. Menos mal assim. Preferia a ação e o suspense dos criminosos que investigava e prendia do que procurar turistas sabe-se lá de onde. “Talvez seja simples”, Maxwell não tinha idéia do quanto estava enganado.

Na pasta Maxwell também encontrou vários passaportes e identidades com nomes falsos. “Interessante”.

Antes de sair, o agente do FBI falou com o vizinho e pediu para cuidar do seu cachorro e disse que não sabia quando voltaria da viagem de negócios, quanto a isso Maxwell estava completamente certo.

 

Quanto mais pensava, mais Richard Livingstone ficava preocupado. Ele tinha lido o briefing recém chegado. “Achar sete turistas e um motorista, provavelmente de diferentes países do mundo, que estiveram num ônibus em Berna, capital da Suíça?”. Parecia uma piada! Será que era um teste da NSA para ver até onde ele chegava? Ainda assim não conseguia pensar num jeito de completar essa missão impossível.

Na pasta em que estava o briefing, Richard encontrou outra coisa: Um Leia mais…

Global Connection #1 – Malas & Canivetes(Suíços)

Opa! Tou vindo dar continuidade a incrível (ah vai!) história que comecei na semana passada, a do jogo de rpg e talz, se alguém (quem? eu?) ver isso, veja o último post😀 Thank You

 

Prefácio

Campos de Berna, Suíça, por volta das 16 horas, 15 de março

No ônibus, eles só estavam fazendo uma pequena excursão como passatempo para uma tarde de domingo. Eles eram de lugares diferentes, e não tinham a mínima idéia do quanto iriam se aproximar uns dos outros depois de verem um pequeno fragmento brilhante caindo do céu…

 

1


Nova Iorque, Estados Unidos da América, 8 horas, 16 de março

Richard Livingstone já estava se preparando para ir à central da NSA, quando de repente, ele recebe um telefonema:

– Agente Livingstone? – Disse uma voz feminina.

– Sim?

– Aqui é a vice-diretora Susan Hills, temos uma missão para você.

– OK, já estou indo para a central.

– Não é uma missão comum. – Ela pareceu hesitar um pouco – Precisamos que você viaje até a Suíça para uma missão altamente secreta do governo.

– O quê? Acho que não entendi muito bem a senhora. –Richard realmente pensou ter entendido errado. – Pensei ter ouvido a senhora dizer que eu iria para a Suíça numa missão secreta do governo…

– Isso mesmo. – Hesitação mais uma vez. – Sei que não está acostumado a fazer esse tipo de missão, mas precisamos de um representante da NSA dessa vez, provavelmente as suas habilidades serão muito úteis. – A vice-diretora pareceu esperar uma resposta, que não veio, e continou – A sua viagem está marcada para o meio-dia, sua passagem, seu visto e o briefing da missão chegará aí a qualquer momento. Aconselho você a fazer as malas. Boa Sorte, Agente Livingstone.

Richard ficou lá, com as perguntas ainda presas na garganta Leia mais…

Global Connection

Ahá! Estamos de volta! Já perdi a conta de quantas vezes já dissemos isso…

E dessa vez, no nosso blog de RPG sem RPG, colocaremos algo que pelo menos tem alguma coisa a ver (ou não) com RPG.

Há algum tempo, jogamos uma campanha, mestrada por mim (que pena), sem rolagem de dados , só interpretação, em que os jogadores (2 pessoas: Edy e Mark) eram agentes federais, que ao serem enviados a uma estranha missão no exterior, aparentemente impossível,  acabaram se envolvendo numa trama internacional.

Essa história, que acabamos de nomear de “Global Connection”(precisávamos de algum, então…) que contém P.N. que preste, será contada em “episódios” aqui no blog. Primeiramente, uma breve descrição dos personagens, que são: Richard Livingstone (Mark Klein), Maxwell O’Brian (Edymestre) e Jean Lutier (NPC).

“Richard Livingstone, nascido em Nova Iorque, agora com seus 25 anos, alcançou o emprego dos seus sonhos, Agente da NSA (National Security Agency), graças ao seu ótimo desempenho no curso de Ciências da Computação pelo MIT e suas especializações em criptografia, e talvez um pouco de Warcraft III. Tem uma boa aparência, com 1,75 de altura, curtos cabelos pretos e seus eternos óculos de resina. Era um homem de raciocínio rápido, mas que não gostava muito de chamar atenção, sendo assim, muito reservado e distraído. Atualmente, namora Anne, uma linda professora ruiva da Escola Primária do Brooklyn.

Maxwell O’Brian nasceu em Nova Iorque e é um dos mais jovens agentes do FBI, com apenas 23 anos, conseguiu isso com punho forte e firmeza nas suas ações. Com 1,90 de altura, tinha uma ótima forma física graças a sua rotina de caminhada e musculação, tinha cabelo preto e usava um corte no estilo militar. O Agente O’Brian possuía um pequeno problema, seu temperamento, às vezes sendo censurado por seus atos impulsivos e violentos.

Jean Lutier, agente da DGSE (Direction Générale de la Sécurité Extérieure),o Serviço Secreto Francês, é um dos agentes mais chamados para missões no exterior por causa do seu incrível conhecimento de idiomas. Lutier tem a capacidade de muitas vezes reconhecer a nacionalidade de uma pessoa pelo seu sotaque, por mínimo que seja. Essa capacidade vem de anos de estudos e de viagens a muitos países. Ele tem 1,70 de altura, cabelo castanho escuro, pouco longo e usa um pequeno cavanhaque.”

Prefácio

Campos de Berna, Suíça Leia mais…

Novo Álbum de Radiohead

I’m back!

Vim fazer uma pequena atualização sobre o novo álbum de Radiohead.

O baixista da banda, Colin Greenwood, disse em uma entrevista à revista “Index On Censorship” que eles terminaram de gravar mais músicas para o novo cd, e que, novamente, será lançado no final do ano.

Eu não tenho nada a ver com essa imagem no mínimo "estranha"

E segundo Colin, a banda estaria procurando um novo meio de divulgação para o álbum:

“Parece que ficou mais difícil ter música de um jeito tradicional, em um objeto físico como o CD, e ao invés disso a música parece a prima pobre dos programas, ouvidas em streaming ou trancafiadas em um dispositivo como um telefone ou um iPod”

Pois é, espero que o cd saia ainda esse ano.

O Retorno de “E para 2010?”

Peraí…

I’m Alive!!! (Sempre quis dizer isso)

Pois é, como nosso amigo (mais meu que de vocês[vocês quem?{shut up!}]) Mark já disse:
Estamos de volta!! (pela terceira vez,  se não me engano…)

E já que passamos todos esses meses parados, resolvi atualizar a minha lista musical para 2010, tem álbum que foi cancelado, tem álbum que já saiu e tem álbum que ainda vai sair(espero). Então, aqui vai:

  • The Killers lançando seu álbum com covers? Na verdade não consegui descobrir nada sobre ~~. Mas acho que esse projeto deve ter sido adiado devido ao trabalho solo do vocalista Brandon Flowers (futuramente falarei sobre isso). Fazer o que?
  • O 8º álbum de estúdio de Radiohead? Em junho o guitarrista Ed O’Brien disse que o álbum estaria pronto dentro de poucas semanas. Infelizmente as gravações Leia mais…
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.